Inspiração: Looks para o Dia dos Namorados

Inspiração: Looks para o Dia dos Namorados

Dia dos namorados pede um look especial!

Estou aqui matutando há algum tempo sobre o que comprar de presente de dia dos namorados pro boy… Inclusive, estou numa busca incessante pelo presente perfeito (e conto com a ajuda de quem quiser pra me dar boas dicas).

Mas, como todo mundo vai fazer post sobre isso, eu vou colocar aqui pra vocês algumas ideias de looks para o dia dos namorados, assim vocês podem ir jantar bem lindonas (ou até ficar em casa pra fazer algo especial).

Aproveito também pra colocar algumas tendências desse inverno pra ajudar vocês com os looks. Tem muita coisa legal nas lojas e você pode até aproveitar essas peças em outras ocasiões! Até porque não adianta gastar $$ com roupas e nunca mais usá-las depois, né?

Dia dos namorados é o momento pra sensualizar e se sentir ainda mais bonita. Então por que não fazer uso de uma transparência? As blusas estão super em alta nesse inverno, e ficam lindas com sutiãs de renda ou strappy. Use com calças de cintura alta para equilibrar o look e tornar a produção mais elegante… Ou com shorts e saias para um visual mais matador. Você pode encontrar blusas de tule no site da Madu Lingerie, por um preço bem bacana!

Looks para o dia dos namorados

Aproveitando o gancho das tendências, o veludo é o tecido do momento e pode ser uma ótima opção – seja em vestidos ou peças separadas. O brilho do tecido traz sofisticação, além de ser uma opção mais quentinha, caso o tempo frio dê as caras no fim de semana da comemoração. No site da Posthaus tem uma blusa de veludo linda, e a Love My 30’s tem um vestido de veludo que eu postei no Instagram semana passada (que fica lindo com uma sandália mais sensual).

Looks para o dia dos namorados

E aí, o que acharam? Me contem como será o dia dos namorados de vocês? Ainda estou precisando de ideias pro meu, hehehe.

Beijos, C.

Compartilhe!

Comentários

Festa do Escritório: O Que Vestir?

Festa do Escritório: O Que Vestir?

Pois bem, tá chegando o final do ano, e começam os convites para a festa de fim de ano do escritório – um churrasquinho aqui, um jantarzinho ali… Aí a dúvida que reina nesse momento é: como se vestir?

Pois bem, é uma festa. Então eu posso ir arrumadinha, colocar uma roupa bacana (quem sabe até sensualizar aquele colega de trabalho bonitinho). PODE MESMO?

É, lindinha… Tem que ver isso aí. Pensa comigo: é uma festa, mas todos os seus colegas de trabalho estarão lá. Não obstante, seu chefe estará lá. Seria uma boa vc chegar sensualizando e toda a alta diretoria estar presente?

Então eu separei aqui algumas opções de looks bacanas e apropriados pra vocês curtirem as festinhas sem medo, e ainda com aquele ar descontraído que o ambiente pede. Mas antes disso, algumas dicas de ouro:

  • Saias e vestidos: no máximo até a metade da coxa. Acima disso é só na balada, e olhe lá. Já fiz post sobre comprimento de saias aqui.
  • Decotes no umbigo: NÃO.
  • Transparências: apenas para eventos noturnos, sem mostrar muita coisa, e se a festa for do tipo cocktail (e se sua empresa não tiver um tom tão formal no dia a dia).
  • Álcool: festa de trabalho é festa, mas ainda é evento corporativo. Não importa o quão bêbado seu chefe está, se segura! Dar vexame é o fim da picada.

PARA CHURRASCOS E ALMOÇOS: vestidos longos funcionam super bem, pois são frescos e confortáveis! E você não precisa se preocupar com o jeito que vai se sentar, porque suas pernas estarão cobertas. Mas, e se eu for baixinha? Ué amore, só usar o vestido com a barra quase no chão. Alonga super! (Vide a segunda foto das inspirações abaixo):

Festa no Trabalho | Churrasco

PARA COCKTAILS E BALADINHAS: escolha apenas um elemento sensual no look – pode brilho, pode rendas, pode decote discreto, pode comprimentos um pouco mais ousados (um pouco hein suas safadinhas), pode make mais carregada, pode perfume forte – só não pode tudo isso junto! E o que não pode mesmo é vestido embrulhado à vácuo (tipo bandagem) e ficar belda na frente do chefe.

Festa no Trabalho | Coquetel

PARA FESTAS BLACK TIE: nossa amiga, que bafo seu emprego hein? Festa black tie do trabalho é coisa rara hoje em dia, mas ainda existe. Para isso, você deve ficar atenta com os comprimentos e fendas do seu vestido. Nesse tipo de evento, eu evitaria usar brilho (tipo pedrarias bordadas no vestido) e transparências muito ousadas, mas dá pra ficar linda de outras formas, dá uma olhada:Festa do Trabalho | Black Tie

Agora não tem mais desculpa, tem inspiração de sobra pra festinha de final de ano! Gostaram?

Beijos, C.

 

Compartilhe!

Comentários

Viajando ao Chile (Parte 1) – Santiago

Viajando ao Chile (Parte 1) – Santiago

Como algumas de vocês viram no Instagram (@notrabalho) e no Snapchat (@looknotrabalho), estava no Chile em férias com a minha mãe. A intenção é fazer um diário de viagem, com as minhas dicas – de principiante – de lugares, o que fazer, essas coisas. A Mi fez um post super sobre planejamento de viagem, confere aqui!

Vou dividir o post entre Santiago e Atacama, para que vocês possam ver direitinho o que eu fiz em cada um dos lugares.

Chegamos em Santiago num sábado, 19 de setembro – festa da independência. Os chilenos levam feriado a sério, então não tinha quase nada aberto. Resolvemos ir nas fondas (são como as tendas da festa junina) e comer algo, pois estávamos famintas. Já começamos com comida típica: o choripan, um tipo de linguiça temperada dentro de um pão crocante, uma delícia! Nos acabamos de comer.

Santiago, Chile | Comida de Roua: Choripan

Depois disso, no domingo, começamos a turistar. Os mais experientes dizem que os lugares obrigatórios pra quem vem ao centro Santiago são: Palacio de la Moneda (assistam a troca da guarda), Plaza de Armas, Cerros Santa Lucía e San Cristobal. Dá pra fazer tudo de metrô, pois é tudo perto! Faltou tempo para conhecer os cerros, mas aproveitamos bem os outros pontos turísticos!

Santiago, Chile | Banco Central

Santiago, Chile | Centro Cultural la Moneda

Santiago, Chile | Troca da Guarda no Palacio la Moneda

Santiago, Chile | Palacio La Moneda

Aproveitamos o passeio para visitar a Concha y Toro – a maior vinícola em produção do mundo. Fizemos o tour premium (comprei no site do Decolar.com), que conta com 3 degustações e ainda ganha uma taça de presente. DICA: não compre os vinhos na loja da vinícola! Costumam ser o dobro do preço. Compre os vinhos no supermercado e lá deixe para comprar souvenirs como saca rolhas e canetas, que custam entre 450 e 1.500 CLP.

Santiago, Chile | Concha y Toro

Chegou então a melhor parte do passeio: Valle Nevado! Compramos também no Decolar.com o pacote com aula, equipamento, ticket do ski day e traslado, da agência Chile XtremoATENÇÃO: roupas extras como calça impermeável, jaqueta, luvas e óculos não estão inclusos no pacote e custam cerca 18.000 CLP por 3 peças à sua escolha. DICA: leve nos bolsos da calça e jaqueta chocolates e barrinhas de cereal para comer durante as aulas e as descidas de ski – evite passar mal, mas também evite comer coisas muito pesadas! As bebidas lá são caras, em torno de 2.500 CLP por uma lata de coca.

Santiago, Chile | Valle Nevado

Santiago, Chile | Valle Nevado

HOTÉIS, TÁXIS, METRÔ E FACILIDADES

  1. Em Santiago, ficamos no Newen Kara Hostel, que tem opção de quarto com banheiro privativo, o café da manhã é excelente, os quartos são limpos todos os dias e a dona do lugar é uma simpatia! A diária ficou por 40 USD – reserva pelo Booking.com e pagamento com cartão de crédito na hora do check in.
  2. Para chamar táxis do aeroporto até seu hotel/hostel, prefira fechar diretamente com as companhias de transfer que ficam na área de baggage drop do aeroporto. Você paga um preço fixo. Recomendo a Transvip, que tinha o melhor preço.
  3. Antes de viajar, baixe o app Maps.me (para iOS e Android), que tem mapas offline de vários países do mundo, com estações de metrô, ônibus, restaurantes, shoppings e pontos turísticos. O app usa o sinal de GPS do celular (mesmo com os dados móveis desligados), e você pode fazer trajetos a pé e de carro. Melhor app que já usei!
  4. Na rua, use o mínimo de taxi possível. Tudo é perto! Vá de metrô, que conecta a cidade inteira e é bem barato.
  5. Se quiser um shopping bacana para fazer comprinhas, procure o Costanera Center, que é gigante, tem várias lojas e preços bacanas. Comprei os vinhos no supermercado Jumbo de lá. Também comprei uma mala da Head média, pelo preço que compraria um pequena aqui. A mala é a da foto abaixo, do meu #lookaeroporto do último dia.

Santiago, Chile | Look Aeroporto

Blusa: Zara | Cachecol: Quechua (a venda na Decathlon) | Calça montaria sem marca | Tênis: Lacoste | Mala: Head

Aliás, fiz um post com esse tema airport look. Dá uma olhada aqui!

Empolgadas para viajar?

Beijos, C.

Compartilhe!

Comentários